O Crepúsculo
 

Consciência dos próprios papéis - Resgate de dons - Busca de uma melhor forma de expressão de Si Mesmo - Memória sutil das vidas passadas - Resgate de aspectos do Eu que estavam reprimidos

O Crepúsculo significa a busca da própria identidade. É quando aprendemos a diferenciar o que é inerente ao nosso espírito e o que não é. Quando percebemos que é uma ilusão tentar ser o que pensamos que os outros esperam de nós. E reconhecemos que só seremos bem sucedidos quando conseguirmos manifestar plenamente nossas especialidades. É através do ambiente e dos relacionamentos que podemos descobrir quem somos nós. Mudanças de ambiente abrem oportunidades para revelar potencialidades que não conhecíamos sobre nós. Pessoas novas afirmam ideias que ficaram isoladas em um ambiente com diferentes valores, fazendo com que possamos ficar mais a vontade para ser o que não nos permitíamos anteriormente.

Este é um momento de introspecção onde estamos em busca de uma melhor forma de expressar à nós mesmos. É como se você pudesse entrar dentro de um camarim onde guardou todos os personagens que você já representou até agora na sua vida, e imagens de papéis que gostaria de representar. E fica se perguntando: - Quantas vezes eu fui eu mesmo. Quantas vezes fui o que os outros queriam que eu fosse ? O que deu certo? Onde eu consegui expressar o que eu gostaria de ser realmente ? Que papel me falta representar? Vai perceber que apesar destes personagens serem aparentemente tão diferentes, no fundo o ator foi sempre o mesmo. Descobrindo um papel principal que na realidade sempre quis representar. Vendo claramente, vai perceber que sempre tentou camuflar você mesmo e que agora não tem mais sentido esconder a si próprio e esse lado que sempre quis ser.

Em síntese mostra o momento do encontro consigo mesmo, no sentido de se identificar, descobrir os seus dons, as suas capacidades, o seu jeito, o que você gosta. É uma carta que diz que você pode colocar em cena o personagem que mais gosta de ser que é você mesmo.

Representa um momento de muita reflexão, onde a pessoa está permitindo ser mais ela. Onde ela está se assumindo, independente do que as pessoas que vivem ao redor dela pensam ou digam.

 

 

Arcano Maior
Tarots Egipcios ©Kier
 
Escorpião morada de Urano
Tzade - 18

" Seja sua caridade um cacho inesgotável, e tua paciência não menos inesgotável que tua caridade."

©Iglesias Janeiro

Quando essa carta aparece é um momento meio confuso, pois a pessoa está entrando em contato com a sua sombra - com o desconhecido, com aquilo que ela não conhece, com o inconsciente. A impressão é de estar vendo a realidade sob a luz de vários ângulos diferentes, e assim parece que sempre tem mais algum segredo para revelar. As mascaras caem, As nossas mascaras e a outros. Portanto você se sente meio exposta(o), querendo se esconder nos lugares conhecidos, ou naqueles onde você se sente mais à vontade. A sensação é de estar sendo um personagem diferente em cada ambiente diferente. É um momento esquizofrênico. Não de desequilíbrio, mas sim de entrar em contato com os vários Eus - e descobrindo qual fizeram, fazem ou poderão fazer sucesso. Resgata o passado e as vidas passadas. Os dons são do espírito e eles não mudam. Em cada vida vamos descobrindo melhor quem somos, desenvolvendo potencialidades em habilidades que se tornaram talentos em outras vidas, como também vamos acumulando e usando conhecimentos que se transformam em sabedoria.
Portanto é hora de se descobrir, se experimentar em todas as situações. E tentar ampliar ainda mais. Quanto mais ambientes diferentes e pessoas novas você encontrar, mais chance de encontrar o seu espaço. O lugar e as pessoas que se identificam tanto com você, que você não precisa nem pensar. só ser. Busque esse espaço. Nele você terá forças para se criar para mudar sua face nos outros, e velhos ambientes, onde você se desfigurou.

Novos relacionamentos trazem à luz partes suas desconhecidas ou esquecidas - Oportunidades para se libertar de condicionamentos

Leia também:
Descrição e explicação dos símbolos desta carta

Associações com outros Arcanos
Livro
próxima
entre
anterior
Tarot Egípcio: A Jornada em busca do Ser - Página 59